Página Inicial » Notícias


Secretaria de Meio Ambiente e CPRH apresentam proposta para proteção de biodiversidade em área da Serra do Giz

A proposta de criação de uma unidade de conservação que busca proteger uma área de 301,2 hectares da propriedade Sítio Baixa Verde, numa região conhecida como Serra do Giz, nos limites dos municípios de Carnaíba e Afogados da Ingazeira, de grande riqueza da fauna e da flora do Bioma Caatinga será debatida com a sociedade em duas consultas públicas previstas para os dias 10 e 11 de abril, às 9h, no Teatro José Fernandes de Andrade, em Carnaíba e na Câmara de Vereadores de Afogados, na região do Pajeú.

Os encontros sobre a UC de proteção integral Refúgio de Vida Silvestre promovidos pela Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) e Agência CPRH têm como objetivo receber contribuições e sugestões dos representantes de órgãos públicos, da sociedade civil e da iniciativa privada, ONGs, pesquisadores, empresários, proprietários, sindicatos rurais, além das comunidades e quilombolas da região.  

Mapa 1 - Localização do Refúgio - Municípios Abrangidos- Fonte SEMAS-CPRH-CEPAN

Os estudos técnicos e levantamento das características ambientais da região foram contratados por meio de um Termo de Cooperação firmado entre a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) e a Prefeitura Municipal de Afogados da Ingazeira e realizados através da consultoria do Centro de Pesquisas Ambientais do Nordeste (Cepan). De acordo com os dados sobre as características ambientais, socioeconômicas, culturais e históricas, a região é rica em diversidade da flora, algumas ameaçadas de extinção, como é o caso da aroeira do sertão (Myracrodruon urundeuva). Além disto, com relação aos animais identificados nos estudos, há espécies da fauna classificadas como vulneráveis ou em risco de extinção, como o gato do mato (Leopardus tigrinus).

Serra do Giz - Fonte Cepan

Outros bens de natureza cultural e histórica identificados na região pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) são os sítios arqueológicos, catalogados no Cadastro Nacional de Sítios Arqueológicos (SNSA/SGPA) do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN, entre eles a Serra da Queimada Grande, o Riacho do Leitão e o Sítio dos Leitões, que abrigam registros pré-históricos formados por inscrições, pinturas e grafismos. Um dos sítios de destaque é o da Serra (ou Serrote) do Giz, com importantes inscrições de arte rupestre, que inspirou o nome da nova unidade proposta pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente.

De acordo com o Secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, “o Governo de Pernambuco está dando continuidade à sua estratégia de conservação da biodiversidade nesta região tão vulnerável às mudanças climáticas que é o semiárido. Iremos nas duas consultas públicas apresentar e debater com os atores locais a criação de mais uma unidade de proteção integral na Caatinga”, destacou Carlos Cavalcanti.

Sítio arqueológico - Serra do Giz Fonte Cepan

Entre as principais justificativas para criação de um Refúgio de Vida Silvestre que, de acordo com os Sistemas Nacional e Estadual de Unidades de Conservação da Natureza - SNUC e SEUC, tem como objetivo “proteger os ambientes naturais onde se assegurem condições para a existência ou reprodução de espécies ou comunidades da flora local e da fauna residente ou migratória”, é principalmente conservar as áreas de Caatinga, evitando-se assim a diminuição da diversidade desta região. Para Samanta Della Bella, “além de promover ações de proteção à biodiversidade, que incluem a gestão, a fiscalização e o monitoramento, outro benefício é a apropriação pela comunidade local desse bem ambiental, além da proteção do patrimônio arqueológico”, ressaltou a gerente de conservação da biodiversidade da Semas.

Visando ampla divulgação da proposta para garantir a participação da sociedade nas consultas públicas, as equipes da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, da Agência CPRH, com o apoio do Cepan, estarão mobilizando, entre os dias 2 e 5 de abril, órgãos públicos, empresas, associações e comunidades da região para participarem dos encontros que acontecem nos dias 10 e 11/04, em Carnaíba e Afogados da Ingazeira.

SERVIÇO - CONSULTA PÚBLICA SOBRE A UC REFÚGIO DE VIDA SILVESTRE DA SERRA DO GIZ

DATA: 10 de abril - Carnaíba

HORÁRIO: 9h

LOCAL: Teatro José Fernandes de Andrade - Praça de Eventos Milton Bezerra Chagas - Centro - Carnaíba

DATA: 11 de abril - Afogados da Ingazeira

HORÁRIO: 9h

LOCAL: Câmara de Vereadores - Rua Dr. Roberto Nogueira Lima, 236 - Afogados da Ingazeira.

 

- « Voltar